History
Icon-add-to-playlist Icon-download Icon-drawer-up
Share this ... ×
...
By ...
Embed:
Embedded player size:
Embedded player preview:
Rss
Minuto Saúde's Podcast
Give it a listen!
Category: Health
Location:
Followers (1)
Currently following. Unfollow
Image_nophoto
by Minuto Saúde
x
take it with you
Iphone5s_trans go mobile with PodOmatic's new iPhone app.
don't have an iPhone? no problem »
x
loading results... Loader
loading results... Loader
x
No results found.
January 21, 2013 04:10 PM PST

Qual o tratamento da Doença de Crohn?

Na maioria dos doentes o diagnóstico é feito numa altura de agravamento dos sintomas, a chamada crise. Nessa altura o tratamento costuma passar por cortisona associada a antibióticos e, algumas vezes, pode ser necessária cirurgia.
Fora das crises existem vários tratamentos possíveis que dependem do local do intestino que é mais afectado pela doença. Desta forma, não há um tratamento único! Por isso, o seguimento adequado por parte de um Gastrenterologista essencial.

Dra. Débora Paiva Monteiro, Médica de Medicina Geral e Familiar

January 21, 2013 04:07 PM PST

Qual é a causa da Doença de Crohn?

Ainda não se descobriu qual é a causa desta doença mas pensa-se que possa dever-se a uma desregulação do sistema de defesa do organismo, a infecções ou mesmo a factores alimentares.
Sabe-se que há uma maior prevalência entre pessoas da mesma família, nomeadamente entre pais e filhos e entre irmãos.
Não se sabe porque é que os sintomas aparecem e desaparecem e o que é que desencadeia novas crises ou determina a sua gravidade.

Dra. Débora Paiva Monteiro, Médica de Medicina Geral e Familiar

January 21, 2013 04:05 PM PST

Como se faz o diagnóstico da Doença de Crohn?

Através dos sintomas e do exame físico, o médico pode suspeitar de Doença de Crohn mas, muitas vezes, é necessário recorrer a exames de imagem como um raio x do abdómen ou uma colonoscopia. Para se fazer o diagnóstico definitivo é necessário fazer biópsia por colonoscopia dos locais que apresentam alterações.
A partir do momento em que se faz o diagnóstico é importante ter um acompanhamento médico regular. Para ajudar a conhecer e a viver com esta doença existe a “Associação Portuguesa da Doença Inflamatória do Intestino” com sede física em Matosinhos.

Dra. Débora Paiva Monteiro, Médica de Medicina Geral e Familiar

January 21, 2013 04:02 PM PST

Quais são os sintomas/sinais da Doença de Crohn?

Dependendo do sítio do tubo digestivo que é afetado pela doença de crohn, podem ocorrer sintomas muito diferentes.
Os mais comuns são diarreia, dor de barriga em cólica, perda de peso, perda de apetite e febre. É importante ter em atenção que a diarreia que não está associada a perda de peso não costuma estar relacionada com a Doença de Crohn!
Quando a doença de crohn afeta a zona do ânus, costuma causar dor durante a passagem das fezes devido à existência de fístulas, abcessos ou fissuras.
Algumas pessoas podem ter estes sintomas/sinais sem ter Doença de Crohn, por isso, para qualquer dúvida é importante que fale com o seu Médico.

Dra. Débora Paiva Monteiro, Médica Medicina Geral e Familiar

January 21, 2013 03:57 PM PST

O que é a Doença de Crohn?

A Doença de Crohn é uma doença inflamatória do tubo digestivo. Esta doença caracteriza-se por uma inflamação crónica que pode ocorrer desde a boca até ao ânus sendo que habitualmente afeta a ultima porção do intestino delgado chamada de íleo terminal. Esta doença evolui por períodos de agudização ou crise e períodos em que está silenciada não dando praticamente sintomas.

DRA. DÉBORA PAIVA MONTEIRO, Médica Medicina Geral e Familiar

January 13, 2013 05:25 PM PST

Vacina da gripe – O que é e quem deve ser vacinado?
A vacinação da Gripe não previne na totalidade a ocorrência da doença mas diminui muito significativamente o risco de a contrair.
Todos os anos a OMS prediz quais os tipos de vírus que serão mais prevalentes para esse ano. Assim a vacina da Gripe muda de ano para ano.

A vacinação contra a gripe é fortemente recomendada a :
- Pessoas com idade igual ou superior a 65 anos;
- Doentes crónicos e imunodeprimidos, com 6 ou mais meses de idade;
- Grávidas com tempo de gestação superior a 12 semanas;
- Profissionais de saúde e outros prestadores de cuidados (lares de idosos, designadamente)

Sugere-se ainda a vacinação de pessoas com idade entre os 60 e os 64 anos

Dra Ester Ferreira

January 13, 2013 05:19 PM PST

O que fazer se suspeitar que está com gripe?

Se suspeitar que está com Gripe tente repousar e ingerir líquidos em abundancia. Para controlar as dores musculares e a febre pode usar medicamentos como o paracetamol. Evite agasalhar-se demasiado pois tal dificultará o controlo da febre.
Não tome antibióticos (a não ser que estes lhe sejam prescritos pelo seu Médico) já que os antibióticos não são eficazes no tratamento das doenças virais como o caso da Gripe.
Fique em casa evitando o contato próximo com outras pessoas para assim impedir a propagação da infecção.

Dra Ester Ferreira

January 13, 2013 05:17 PM PST

Quando suspeitar de Gripe?

A Gripe manifesta-se por um início súbito de mal-estar, febre alta, dores musculares e das articulações, tosse, pingo no nariz, arrepios e dor de cabeça. Nas crianças pode também ocorrer enjoo, vómito, diarreia e dor abdominal.
Quando suspeitar que está com gripe evite o contacto próximo com outras pessoas e sempre que espirrar proteja a boca e o nariz com o braço.

Dra Ester Ferreira

January 13, 2013 05:05 PM PST

A Gripe ocorre, habitualmente, nos meses de Inverno embora possa também ocorrer em outros períodos do ano.
A transmissão desta infecção faz-se pela emissão de partículas de saliva quando um doente com gripe tosse, espirra ou simplesmente respira. Esse vírus irá penetrar nas vias respiratórias de um novo doente e aí irá entrar nas células para se multiplicar e causar inflamação.

January 13, 2013 05:02 PM PST

O que é a Gripe?

A gripe é uma infecção respiratória aguda. Distingue-se dos comuns resfriados pelo facto de ser causada por um grupo especifico de vírus chamados vírus Influenzae. Estes vírus subdividem-se por 3 grupos: o grupo A, o B e o C. O tipo C raramente ocorre em humanos ao contrario do subtipos A e B. Os vírus do tipo A (ao qual pertence o vírus H1N1 responsável pelo surto ocorrido em 2009) têm uma elevada capacidade de sofrer modificações aumentando assim a sua capacidade para resistir às defesas que o organismo humano desenvolve.

Dra. Ester Ferreira, Médica no Hospital de S. João

loading more... Loader
 
x

take it with you


Iphone_trans Listening to podcasts on your mobile devices is extremely convenient -- and it's what makes the podcasting medium so powerful.

You can take your favorite shows and mixes with you anywhere, but to do so requires some quick and simple steps.

Let's walk you through that process together.
step 1:


Click the "Subscribe With iTunes" link in the page's sidebar:

Subscribe_with_itunes

This will require that you have the iTunes software on your computer.

(You can download iTunes here.)
step 2:
Itunes_ss

Now that you've subscribed to the podcast on iTunes, the feed will display in your "Podcasts" section on the left navigation bar.

Click there and you'll see the show displayed in the iTunes browser.

You can "get all" to download all available episodes or just individual episodes.
step 3:


Plug your mobile device (iPhone, iPad, iPod) into your computer with the Dock Connector cable, and click the device in iTunes's left navigation bar.

Itunes_ss2

Once you have your device highlighted, click "Podcasts" in the top navigation bar and sync the podcasts you want on your device. Click "apply" and the episodes you have downloaded on your iTunes software will sync with your device.
that's it!

The beauty of this process is that now, every new episode of your subscribed podcasts will automatically sync to your device every time you plug it in and open iTunes. You can now take your favorite shows with you everywhere you go.

Enjoy!
done!
x

share this podcast


Email a friend about this podcast
x

subscribe to this podcast

Rss-icon RSS
Itunes-icon iTunes